Entregas GRÁTIS a partir de 39€, em Portugal Continental

Como Transformar Plantas Reais em Pinturas Botânicas em Aguarela

Ilustrações botanicas isabela quintes

Como Transformar Plantas Reais em Pinturas Botânicas em Aguarela

O amor pelas plantas normalmente faz com que tenhamos muitas delas em casa! Algumas são mais difíceis de cuidar e outras nem tanto, mas uma coisa em comum todas elas podem nos oferecer: inspiração!

Foi esse amor pelas plantas que fez com que eu me aprofundasse na pintura botânica. Hoje trabalho como artista visual e professora de pintura em aquarela e tenho nas plantas minha fonte diária de inspiração.

Pensando nas plantas de interior que temos em casa, podemos treinar técnicas artísticas básicas como a pintura e aprender algo mais sobre cada planta com um exercício rápido de observação, e assim transformá-las em arte!

Aqui vou dar um passo-a-passo básico e simples para que você possa começar a transformar suas plantas preferidas em pinturas em aquarela.

1 – Materiais básicos: lápis comum, pincéis macios (números 2, 4 e 6 são os que mais uso!), aquarelas (não precisam ser profissionais, algumas marcas tem linhas de estudantes que são ótimas, procure por elas!) e papel para aquarela, se possível de 300g ou mais, que é um tipo de papel mais grosso e que aguenta bem a quantidade de água que usamos. (Por isso é importante que seja específico para a pintura em aquarela, outros papéis podem não funcionar muito bem em contato com a água).

 

© Isabela Quintes

2- Escolha sua planta preferida: ok, essa parte pode ser difícil porque normalmente temos mais de uma planta preferida! Escolha uma que tenha mais detalhes como as Calatheas (minha favorita é a Catalhea orbifolia) ou as Marantas (a Maranta leuconera Fascinator é incrível!). Caso seja iniciante total no desenho, tente uma planta mais básica, como a Ficus elastica ‘Abidjan’ por exemplo.

3 – Observe cada detalhe da planta de perto! Repare que até as mais simples têm características únicas, outras têm padrões e nervuras que se destacam e que você pode usar na sua pintura. A mesma planta pode ter folhas bem diferentes uma das outras, tanto em tamanho quanto em cores e texturas. Tudo isso vai lhe servir de base para criar um desenho mais real.

 

© Isabela Quintes

4 – A partir daí comece a traçar seus esboços e dar forma a sua planta! Lembre-se de um fato importante: não há certo ou errado no desenho, a arte é livre de regras e você pode criar o que quiser e do seu jeito. Você pode representar a planta da maneira que ela é na vida real ou acrescentar mais cores ou folhas.

5 – Quando tiver seu desenho pronto, comece a pintar! Acrescente água a suas aquarelas aos poucos, quanto mais água você colocar mais clara a cor ficará. Você pode pintar por etapas também, comece com os detalhes e depois pinte as partes maiores. Aqui vou lhe deixar uma dica valiosa: por ser a base de água, a aquarela é bastante translúcida, por isso quase nunca conseguimos pintar com aquarela por cima de uma pintura já seca ou por cima de uma cor mais escura. Então comece pelas cores mais claras e depois passe para as mais escuras! Você também pode misturar suas aquarelas entre si para obter novos tons!

 

© Isabela Quintes

Assim que terminar, espere algumas horas para que a pintura se seque completamente. Uma vez que ela esteja seca, você pode emoldurar e colocá-la ao lado da planta real que foi sua fonte de inspiração!

Vamos adorar ver sua criação artística e sua plantinha, marque a gente no Instagram para que possamos vê-las! @isabela.quintes e @urbanjungle.pt

 

 


Isabela Quintes é uma artista nascida no Brasil a viver em Barcelona. Estudou Desenho de Moda no Brasil, no âmbito do qual se desenvolveu profissionalmente até se mudar para Espanha. A mudança de ares motivou-a a experimentar coisas novas e, de maneira autodidata, começou a estudar diferentes formas de desenho, ilustração e de pintura.

Num constante processo criativo de investigação e exploração, espelha nos seus desenhos a realidade a partir dos seus olhos com um toque de imaginação. O seu país natal é uma fonte inesgotável de inspiração com as suas plantas e flores tropicais e, com elas, os desenhos e cores vibrantes.

https://isabelaquintes.com/

 

Partilha este artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


×